quarta-feira, novembro 22, 2006



Sinto a paz invadir-me
O sossego beijando-me a alma...

Minhas mãos suaves
esculpem um corpo de mulher...

Para si... Alma da minha Alma

Valsa Lenta

1 comentário:

brisa de palavras disse...

A paz associada à arte de pintar a beleza de cada corpo...rosto...ou de uma paisagem adormecida...
Dê vida a essa escultura!
E ama-a muito...
um abraço

brisa de palavras